Filtro

Menu

Social

Fotografia de Interiores – Wizard Campinas

Fotografia de Interiores – Wizard Campinas

A Wizard é a maior rede de ensino de idiomas do mundo, com centenas de unidades espalhadas em vários países, e fotografar para uma empresa com esse tamanho, é um compromisso que deve ser levado a sério.

Felizmente o diretor da maior franquia de Campinas (Yuri Utida), atualmente à frente de 4 unidades (Castelo, Chácara Primavera, Cambuí e Shopping Dom Pedro), é um profissional acessível, empreendedor e sempre em busca do melhor para o seu negócio. Foi através dele, que a 360HDR foi contratada para fotografar as unidades sob seu comando.

Com o equipamento em mãos, olhos abertos e uma grande disposição de espírito, trabalhei durante alguns meses nas unidades, fotografando os ambientes bem cuidados e coloridos, dessas super escolas.

Um case de sucesso para a 360, e imagens de altíssima qualidade para o nosso portfólio de Fotografia de Arquitetura e Interiores. Valeu Yuri, foi um show trabalhar contigo!!!

 

SAIBA MAIS:
Como foi a fundação da Wizard

Carlos Wizard Martins, fundador da Wizard, nasceu na cidade de Curitiba, Paraná, em uma família humilde. Seu pai era motorista de caminhão e sua mãe, costureira. Quando tinha 12 anos de idade, seus pais se tornaram seguidores da Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias, também conhecida como Igreja dos Mórmons. Então, a partir de contatos e aulas de inglês com os missionários norte-americanos da igreja, Carlos aprendeu Inglês.

Aos 17 anos viajou para os Estados Unidos, com apenas 100 dólares no bolso para morar e aprender Inglês. Aos 19 anos, serviu em uma missão religiosa em Portugal, ficando dois anos na Europa fazendo trabalhos voluntários e humanitários. Dois anos depois, aos 21, retornou ao Brasil, com o objetivo de formar uma família e buscar uma formação acadêmica em nível superior.

Casou-se com Vânia Pimentel e, um ano depois, teve filhos gêmeos. Aos 26 anos, Carlos Martins foi aceito na Universidade Mórmon Brigham Young University, nos Estados Unidos, onde se graduou em Análise de Sistemas e Tecnologia. Na BYU, teve contato com o Missionary Training Center localizado no campus, e lá aprendeu técnicas de ensino da língua inglesa.

Na BYU, conviveu com pessoas que em poucas semanas de aulas, eram capazes de se expressar com fluência em um segundo idioma. A partir disso, concluiu que não eram necessários meses ou anos para que um adulto aprendesse uma língua, mas sim algumas semanas.

Ao término da faculdade, ele se formou em Ciência da Computação e Estatística pela BYU, e estagiou por um ano em Cincinnatti, Ohio, na Champion International, empresa de papel e celulose. Depois foi transferido para a filial brasileira, em Mogi Guaçu, interior de São Paulo.

Para complementar o salário mensal da família, Carlos passou a dar aulas de inglês à noite, após o expediente, na sala de sua própria casa. Com sua metodologia de ensino focada na conversação, conseguiu vários alunos, e então abriu uma escola. Com uma visão empresarial, transformou a escola numa rede de idiomas, através do sistema de franquias.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

*